terça-feira, 16 de outubro de 2007

Literatura Informativa

Literatura informativa tem origem através das cartas de navegantes, missionários e aventureiros.
Os missionários se impressionaram com a beleza que o Brasil oferecia, suas variedades de árvores, cores, animais.
A principal literatura informativa foi a Carta de Caminha que serviu para informar como eram os nativos, como viviam, não se vestiam e não tinham vergonha de mostrar suas partes intimas, bem diferente da cultura européia.
A Carta de Caminha explica como os índios se comunicavam com os portugueses e através dela podemos compreender que os índios poderiam trocar um simples colar por ouro.
Quando os portugueses eram capturados pelos selvagens, eram espancados, roubados e comidos. Assim vingando-se dos navegantes que queriam apossar-se de suas riquesas.

8 comentários:

Eliane disse...

Olá Caroline
Muito bem descrito este texto sobre Literatura Informativa. Mas achei falta da tua produção textual a respeito.
Um abraço
Eliane

Raaf disse...

para mim esse conteudo foi insuficiente.
Obrigada!

Emerson da Silva Cristaldo disse...

q bosta tirei zero por kausa dessa porra td errada kkkk

Ismaily jhoe disse...

Maravilhoso

Taã Santos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Taã Santos disse...

esta faltando algo , era melhor teer colocado assim · É um tipo de literatura composta por documentos a respeito das condições gerais da terra conquistada, as prováveis riquezas, a paisagem física e humana, etc.

· Em princípio, a visão européia é idílica: a América surge como o paraíso perdido e os nativos são apresentados sob tintas favoráveis. Porém, na segunda metade do século XVI, à medida em que os índios iniciam a guerra contra os invasores, a visão rósea transforma-se e os habitantes da terra são pintados como seres bárbaros e primitivos.

Principais manifestações:

# A Carta de Pero Vaz de Caminha:

· Descrição minuciosa da nova realidade; -- A simplicidade no narrar os acontecimentos;

· A disposição humanista de tentar entender os nativos; -- O ideal salvacionista.

# Duas viagens ao Brasil, de Hans Staden - Viagem à terra do Brasil, de Jean de Léry:

· Relato de viajantes que viveram entre os índios vários meses.

· Registro da antropofagia e descrição dos costumes indígenas

Taã Santos disse...

taah falando coisa, era pra colocar isso
· É um tipo de literatura composta por documentos a respeito das condições gerais da terra conquistada, as prováveis riquezas, a paisagem física e humana, etc.

· Em princípio, a visão européia é idílica: a América surge como o paraíso perdido e os nativos são apresentados sob tintas favoráveis. Porém, na segunda metade do século XVI, à medida em que os índios iniciam a guerra contra os invasores, a visão rósea transforma-se e os habitantes da terra são pintados como seres bárbaros e primitivos.

Principais manifestações:

# A Carta de Pero Vaz de Caminha:

· Descrição minuciosa da nova realidade; -- A simplicidade no narrar os acontecimentos;

· A disposição humanista de tentar entender os nativos; -- O ideal salvacionista.

# Duas viagens ao Brasil, de Hans Staden - Viagem à terra do Brasil, de Jean de Léry:

· Relato de viajantes que viveram entre os índios vários meses.

· Registro da antropofagia e descrição dos costumes indígenas

Matheus Augusto disse...

esse ultimo comentário foi mais favorável do que a própria pesquisa